Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Governo encerrou atividades de seis escolas estaduais sem motivo?

Publicação:

A comunidade escolar pode ficar tranquila. O terrorismo que estão tentando fazer com os alunos da rede estadual não tem fundamento. Ao contrário do que dizem por aí, nenhuma outra escola será fechada. Seria um absurdo encerrar atividades escolares em pleno ano letivo.

No início do ano, a Secretaria Educação teve que realizar o encerramento das atividades de seis escolas em Porto Alegre. Uma necessidade para a adequação à realidade atual: a redução no número de alunos. 

Perdemos 200 mil alunos em 8 anos. Uma redução de cerca de 18%.

O total de estudantes dessas seis escolas de Porto Alegre, que tiveram suas atividades cessadas, era de 418, o que dá uma média de 66 alunos por escola.

Importante esclarecer que a redução do número de estudantes no RS (que ocorre ano a ano desde 2003, de acordo com dados do Censo MEC/ INEP/ Educacenso), se dá pela queda da taxa de natalidade.


Esse cenário exigiu que ações fossem desencadeadas para reorganizar a demanda.
Todos exigem gestão do poder público. A readequação de recursos materiais e humanos para melhor atender os alunos é exatamente isso.

Cabe ressaltar que, durante o processo, ninguém foi surpreendido. Em Porto Alegre, os alunos dessas seis escolas foram encaminhados a outras, sempre respeitando a logística das famílias e o zoneamento da escola.


O compromisso da Secretaria da Educação é ofertar um ensino de qualidade e inclusivo. O momento exige uma gestão moderna e inovadora. Reduzir, ordenar e tornar efetivo o papel da Educação para que alcance a todos é a meta da Secretaria.

Não me Trova